COVID-19 | Equipas de Sintra já contactaram 5000 pessoas

Até ao momento, mais de 5000 pessoas foram contactadas pelas equipas multidisciplinares, formadas pela Câmara Municipal de Sintra, que se dedicam inteiramente ao apoio direto a casos ativos de COVID-19 no concelho.

A formação destas 6 equipas multidisciplinares permitiu realizar, desde o início de julho, mais de 2000 visitas a agregados familiares e que se traduz num apoio direto a mais de 5100 pessoas afetadas pelo surto.

Estas equipas multidisciplinares são constituídas por enfermeiros do ACES de Sintra, técnicos de ação social, proteção civil ou polícia municipal de Sintra e um elemento da junta de freguesia da área de residência. Estas visitas ao domicilio pretendem aferir, além do confinamento obrigatório, quais as necessidades de saúde e sociais dos casos sinalizados pelas autoridades de saúde, para o cumprimento eficaz e efetivo do confinamento que permite quebrar cadeias de transmissão.

Em todas as visitas, são entregues pelas equipas: termómetros, máscaras cirúrgicas e gel desinfetante para que o cidadão, ainda que em confinamento obrigatório, reduza todos os riscos de transmissão dentro do seu próprio domicílio ou no caso de ter de se deslocar para cuidados de saúde autorizados.

Estas visitas permitiram ao município gerar, desde julho, mais de 260 pedidos de apoio alimentar e 30 pedidos de apoio para à aquisição de medicamentos, bem como 80 pedidos de apoio económico, onde se incluem em muitos casos os pagamentos de rendas em atraso, e ainda 25 pedidos de habitação de emergência alternativa para cumprimento de um confinamento eficaz.

Na retaguarda de toda esta operação está ainda uma equipa composta por técnicos de ação social da autarquia e técnicos da Segurança Social, que diariamente recebem, avaliam e encaminham os relatórios efetuados pelas equipas multidisciplinares com os diversos pedidos de apoio para intervenção imediata.

A autarquia de Sintra continua a acompanhar a evolução da propagação da COVID-19, antecipando e atuando com novas medidas preventivas, caso seja necessário, garantindo as atividades essenciais e prioritárias no município, bem como o apoio à população.