Autarquia de Sintra aprova medidas de apoio ao surto de Covid-19

As medidas de apoio ao combate ao surto do coronavírus Covid-19, em que são disponibilizados 7,5 milhões de euros, foram aprovadas por unanimidade pelo executivo municipal, em reunião de câmara realizada esta terça-feira.

A autarquia aplica assim uma redução, durante dois meses, de 35% na fatura da água para usos domésticos e de 20% para as empresas, enquanto que os clientes com tarifas sociais passarão a não pagar nada pelo abastecimento de água.

O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, sublinhou que “estas medidas excecionais representam um apoio de 7,5 milhões de euros, mas é um apoio que tem de ser dado para vencer esta batalha”.

Outra medida é o aumento do Fundo de Emergência Social em 1 milhão de euros, destinados ao pagamento de rendas, medicamentos e equipamentos de Saúde.

A autarquia vai, também, dar um apoio financeiro de 1 milhão de euros às Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) do concelho e 1,5 milhões de euros ao Hospital Fernando da Fonseca.

A Câmara Municipal de Sintra acionou o plano de contingência para o surto do COVID-19, que tem como missão acompanhar a evolução da propagação do vírus, antecipar e implementar as medidas e ações adequadas de prevenção, intervenção e recuperação a fim de assegurar a continuidade das atividades essenciais e prioritárias da Câmara Municipal e do município de Sintra, apoiar as populações e restabelecer, caso se justifique, a normalidade.